2007-07-04

diz que é uma espécie de Mickey....

Da mesma maneira que o Capitão América era apresentado às crianças na década de 40/50 como o paladino da liberdade e da democracia (tinha como inimigo o Red Skull que numa primeira fase era Nazi e depois com o início da Guerra Fria passou a pertencer à ex-URSS), a televisão do Hamas (Al-Aqsa TV), criou e imitou para um programa infantil, uma espécie de rato Mickey (que parece saído de uma Intifada ou algo do género), que no fundo limita-se a doutrinar as crianças...

...face às acusações de plágio e doutrinamento das crianças por parte de várias organizações internacionais (note-se que esta é uma fase em que a transmissão de valores é muito importante), os reponsáveis pelo programa resolveram acabar com o personagem, num episódio em este se martiriza em favor da causa (!?!)...graças ao Middle East Media Research Institute (MEMRI) poderemos ver excertos traduzidos deste surreal episódio, onde entre a voz de falsete do Farfour (nome do rato), a rudimentar produção, o facto do avô dele ser um Humano e ele ser um rato com quase 2m e a óbvia doutrinação e inculcamento de ódio, fico na dúvida sobre se dá para rir ou para chorar...

1 comentário:

luisagouveia disse...

Mete nojo esta lavagem cerebral às crianças. É horrendo! Tenho cada vez mais medo...